Quer saber quais conselhos o Google lhe daria para avaliar o seu conteúdo?

Quer saber quais conselhos o Google lhe daria para avaliar o seu conteúdo?

Por Danilo Mazuquin

especialista em Midias de Busca

Publicado em 20 de Maio de 2020 às 12:10 | Atualizado em 20 de Maio de 2020 ás 13:30

Sabemos que é muito difícil o Google se pronunciar sobre dicas para melhorar o desempenho orgânico em sua SERP (página de resultados de pesquisa), mas, assim como aconteceu em 2011, o Google abriu uma exceção e expôs alguns pontos para refletirmos e buscarmos evoluir para que possamos ter uma melhor performance orgânica.

Os conselhos do Google para um melhor desempenho orgânico foram divididos em 4 partes, vamos conferir?

Perguntas gerais sobre Conteúdo das Páginas:

  • O conteúdo fornece informações originais, relatórios, pesquisas ou análises?
  • O conteúdo fornece uma descrição substancial, completa ou abrangente do tópico?
  • O conteúdo fornece análises perspicazes ou informações interessantes que estão além do óbvio?
  • Se o conteúdo se basear em outras fontes, evita simplesmente copiar ou reescrever essas fontes e, em vez disso, fornecer um valor adicional e originalidade substanciais?
  • O título e / ou o subtítulo da página fornecem um resumo descritivo e útil sobre o conteúdo?
  • Esse é o tipo de página que você deseja marcar, compartilhar com um amigo ou recomendar?
  • Você acredita que este conteúdo poderia ser referenciado por uma revista, enciclopédia ou livro impresso?

Perguntas de Especialização:

  • O conteúdo apresenta as informações de maneira que você deseja confiar nelas, como fornecimento claro, evidência da experiência envolvida, antecedentes sobre o autor ou o site que as publica, como por meio de links para uma página de autor ou para um site confiável?
  • Se você pesquisasse o site que produz o conteúdo, ficaria com a impressão de que ele é confiável ou amplamente reconhecido como uma autoridade em seu tópico?
  • Esse conteúdo é escrito por um especialista ou entusiasta que comprovadamente conhece bem o tópico?
  • O conteúdo está livre de erros gramáticais ou ortográficos facilmente verificáveis?
  • Você se sentiria confortável confiando neste conteúdo para problemas relacionados ao seu dinheiro ou sua vida?

Questões de Apresentação e Produção:

  • O conteúdo foi produzido bem ou parece desleixado ou produzido às pressas?
  • O conteúdo possui uma quantidade excessiva de anúncios que distraem ou interferem no conteúdo principal?
  • O conteúdo é bem exibido para dispositivos móveis quando visualizados neles?

Perguntas Comparativas:

  • O conteúdo fornece um valor substancial quando comparado a outras páginas nos resultados da pesquisa?
  • O conteúdo parece estar atendendo aos interesses genuínos dos visitantes do site ou parece existir apenas por alguém tentando adivinhar o que pode ter uma boa classificação nos mecanismos de pesquisa?

São perguntas importantes para que nós possamos responder e então fazer com que o nosso conteúdo possa estar mais otimizado aos motores de busca. Se analisarmos estas dicas e perguntas que o Google deixou em sua conta oficial e as compararmos com as dicas de 2011 em que ele falava sobre o algoritmo Panda, não iremos identificar grandes mudanças, muito pelo contrário, o Google nos faz pensar nos conteúdos que produzimos hoje, assim como a 9 anos atrás.

Inscreva-se em Nosso Canal

Siga o Instagram da Mazukim

Curta a Página no Facebook da Mazukim

Conecte-se No Linkedin da Mazukim

Chame no WhatsApp e Tire Suas Dúvidas

Fonte: https://searchengineland.com/google-advice-on-improving-your-sites-ranking-for-future-core-ranking-update-320184

Consuma Mais Conteúdo de Marketing Digital


Minha Loja Virtual Não Vende. O Quê Devo Fazer?

Coronavírus: Como o Coronavírus pode Influenciar o Marketing do Meu Negócio?

15 Termos Usados no Mundo do Marketing Digital e Que Você Precisa Saber o Significado

Quer ter o mesmo resultado que o nosso blog?
Comece a criar conteúdo com a Mazukim Agora!

Quero Fazer uma Avaliação!